Directo ao conteúdo
Ministério dos Negócios Estrangeiros da Finlândia

Cooperação para o desenvolvimento - pedra angular das relações entre Finlândia e Moçambique - Embaixada da Finlândia, Maputo : Finlândia e Moçambique : Cooperação para o desenvolvimento - pedra angular das relações

EMBAIXADA DA FINLÂNDIA, Maputo

P.O. Box 1663 / Avenida Julius Nyerere 1128
Maputo, Mozambique
Tel. +258 21 482 400
E-mail: sanomat.map@formin.fi
Português | Suomi | Svenska | 
Tamanho de letra_normalTamanho de letra_maior
 

Cooperação para o desenvolvimento - pedra angular das relações entre Finlândia e Moçambique

A planificação da cooperação para o desenvolvimento com Moçambique já tinha iniciado na Finlândia um pouco antes da independência do país. Em 1976 Moçambique recebeu várias delegações da agricultura, e no mesmo ano a Finlândia ofereceu doações materiais ao país. O programa de agricultura com Moçambique começou em 1977, sendo no início bilateral mas abrangendo, a partir do início do ano seguinte, para além da Finlândia todos os Países Nórdicos. Desta maneira teve início a longa e ampla cooperação entre a Finlândia e Moçambique.

Cooperação bilateral para o desenvolvimento

História

A Finlândia iniciou a sua cooperação bilateral para o desenvolvimento com Moçambique em 1984, e desde 1987 Moçambique é um dos principais países receptores da cooperação finlandesa. A partir do ano de 1984, o valor total da cooperação bilateral entre a Finlândia e Moçambique é de aproximadamente 314 milhões de euros.

No início, o foco da cooperação finlandesa era dirigido a projectos de infra-estruturas, especialmente a construção de portos. Nos anos 90, a ajuda finlandesa começou a ser orientada cada vez mais para a redução de pobreza, a protecção do meio ambiente e a melhoria do estado de direito, da democracia e dos direitos humanos. A partir dos anos 90, a Finlândia apoia o desenvolvimento de programas sectoriais participando nos mesmos. O apoio orçamental directo ao governo moçambicano foi iniciado em 2003.

Esta cooperação tem vindo a desenvolver infra-estruturas, o sistema de educação e o sistema de saúde do país, assim como tem vindo a aumentar a capacidade dos moçambicanos de se responsabilizarem pelo seu próprio desenvolvimento. Através do sector da educação e do apoio orçamental directo, a Finlândia tem apoiado o desenvolvimento da rede escolar, assim como a contratação e a formação de pessoal docente. O sector da saúde e o apoio orçamental têm contribuído para aumentar a quantidade de centros de saúde e os serviços de aconselhamento às mães. A melhoria do sistema de saúde da província de Manica e o apoio ao sistema de prevenção de erosão da cidade de Nacala constituem dois óptimos exemplos de uma bem-sucedida cooperação bilateral entre os dois países. Em duas províncias, a ajuda finlandesa possibilitou a criação de um inventário dos recursos florestais.

Em 2011, os desembolsos da cooperação bilateral eram de aproximadamente 22 milhões de euros. .A médio termo, a cooperação continuará a ser o ponto central das relações entre a Finlândia e Moçambique.

Porto de ferribote em MaputoFoto: Tuula Sotamaa
Imprima esta página

Este documento

Também neste sítio

actualizados 05-12-2012


© Embaixada da Finlândia, Maputo | Contatos